Continuando minhas experimentações das comprinhas que fiz na Liberdade… no último post sobre o tema mostrei para vocês os chás chineses que comprei por lá. Hoje vou compartilhar minha opinião sobre o Stroopwafel, um doce que não tem nada a ver com o Japão apesar de ter sido comprado em uma loja de artigos orientais. O Stroopwafel é a receita mais antiga de biscoito da Holanda, ela existe a vários séculos e é bem tradicional.

É uma guloseima que em geral é consumida no café da manhã com chá ou café. O stroopwafel é feito com uma bolacha fina de waffle cortada ao meio e recheada com caramelo. Lá na Holanda o waffle é feito de maneira artesanal e vendido em feiras abertas! Imagina que delícia chegar numa banca e comer um desses biscoitos feito na hora! O sabor e o cheiro devem ser maravilhosos! 
wafel2

Quem sabe um dia eu prove… (vamos torcer). Por enquanto preciso me contentar com os stroopwafels industrializados mesmo 🙁 Que não deixam de ser gostosos, mas um artesanal com certeza bate de 10 a 0 em um comum.

Esse pacotinho que eu comprei é de uma indústria brasileira e custou R$9,00. A quantidade de biscoitos que vieram no pacote é entre 8 a 9 unidades. Me esqueci de contar ou guardar a embalagem. Agora estou na dúvida em relação à quantidade de biscoitos, mas é por aí.

wafel3

wafel4

Assim que abri o pacote subiu aquele cheiro maravilhoso de caramelo! Já foi um bom começo. Quando provei os biscoitos não estavam muito crocantes, estavam até meio durinhos. O que me frustou um pouco. Olhando pelo pacote eles tinham uma aparência crocante deliciosa. Só depois que descobri a maneira perfeita de consumir essas delícias!

wafel5

O Stroopwafel pode ser consumido de algumas maneiras. Que eu saiba, são três:

– Temperatura ambiente

– Levemente aquecido no microondas, ou forninho

– Aquecidos na borda da xícara do café ou chá

Em temperatura ambiente não funcionou para mim, achei frustrante o sabor. Aquecido no café foi bem mais ou menos. Não deu para aquecer o suficiente. Agora, aquecido no forninho… aí sim, encontrei o meu tipo de preparo perfeito! O biscoito não ficou crocante, mas não nem liguei. Fica puxentinho por dentro e por fora desmancha na boca. Muito bom!

Na minha opinião a melhor maneira de saborear essa delícia holandesa é: aquecendo no forninho e comer acompanhado de café ou algum chá com um sabor mais amargo.

wafel6

wafel8

wafel10

Adoro caramelo por causa do sabor levemente salgadinho. Quem também?

wafel11

O Stroopwafel é amor em forma de biscoito! Fiquei muito feliz por essa semana ter chovido praticamente todos os dias aqui em Pinhalzinho. Com esse tempinho bem propício consegui ler um bom livro (esse das fotos é de contos da Clarice Lispector) e comer essas bolachas que já estão na minha lista de favoritas.

Agora só falta ir para a Holanda para provar um original!!!

wafel13

wafel14

wafel16

 

Quem aí já provou ou tem vontade de provar?

Obs: A calça que estou usando fui eu que costurei. Sei que é uma observação aleatória hahahaha, mas é que gostei tanto dela que gosto de contar para tudo mundo. Essa calça? Então, cortei e costurei cada detalhe hahahaha.

Obrigada por tudo pessoal! Nos vemos na próxima 🙂

Com amor,

Hady