Vida

Aprendendo a viver. Feliz ano novo!

Não te faço promessas, não te peço nada. Minhas resoluções estão muito bem guardadas, é segredo, o mistério que faz os dias mais interessantes. Não tenho medo de ver a idade em mim, de cair, muito menos de tentar. Estou sujeita ao risco pelo qual tenho minha salvação, sem o qual a vida não vale a pena! Então que venha o inevitável! Já não tenho mais medo dessa coisa chamada vida. Me mostre o caminho, ou me leve ao fim dele. 2015… Venha surpreender-me!

Continue reading